terça-feira, 23 de agosto de 2016

TERMINOLOGIAS DE ENFERMAGEM

Acolia: ausência ou supressão da secreção biliar.

Acolúria: ausência de pigmentos biliares na urina.

Acoria: ausência de pupila.

Acuidade: nitidez, exatidão, clareza, quer visual, quer auditiva.

Afagia: incapacidade para deglutir.

Afonia: perda, falta de voz.

Afta: úlcera bucal esbranquiçada e dolorosa.

Algia: dor.

Alopecia: queda total ou parcial do pelo do cabelo.

Amenorreia: ausência de menstruação.

Amnésia: perda patológica da memória.

Anastomose: ligação de uma artéria com uma veia ou nervosos.

Anorexia: falta de apetite.

Apneia: parada ou suspensão da respiração.

Ascite: acúmulo de líquido na cavidade peritoneal.

Ausculta: percepção e interpretação de sons que emanam de diversos órgãos.

Autopsia: exame médico do organismo feito após a morte.

Bradicardia: frequência cardíaca abaixo do normal.

Bradipneia: frequência respiratória abaixo do normal.

Balanço Hídrico: estado de equilíbrio do organismo entre a entrada e a saída de líquidos.

Catarro: inflamação das mucosas, especialmente das vias aéreas, com exsudato que contém mucina e células epiteliais.

Cianose: coloração roxo-azulada das mucosas e da pele.

Cistite: inflamação da bexiga.

Colúria: presença de pigmentos biliares na urina, tornando a urina cor de coca-cola.

Coma: estado de inconsciência no qual não se consegue despertar o cliente.

Constipação: estado em que os intestinos trabalham em intervalos demorados ou com dificuldade, prisão de ventre.

Convulsão: paroxismo geral involuntário da contração muscular, que pode ser tônico ou clônico.

Defecação: evacuação intestinal.

Demência: deterioração ou perda das faculdades intelectuais.

Disfasia: dificuldade em articular ou formar as palavras.

Disfagia: dificuldade na deglutição ou incapacidade de deglutir.

Disfonia: comprometimento da voz.

Dislexia: comprometimento da capacidade de ler.

Dispepsia: dificuldade para digerir.

Dispneia: dificuldade para respirar.

Disúria: dificuldade ou dor para urinar.


Diurese: controle do volume urinário de determinado período.

Edema: retenção de líquidos nos tecidos.

Epistaxe: sangramento nasal.

Eritema: vermelhidão na pele provocada por congestão de capilares.

Erupção: lesão cutânea proeminente, ruborizada e disseminada pelo corpo.

Esplenomegalia: aumento do volume do baço.

Eupneia: respiração normal.

Enurese: perda involuntária de urina durante o sono, considerada fisiológica até 3 anos de idade.

Exoftalmia: protusão anormal do globo ocular para fora da órbita.

Fenestração: criação de uma ou mais abertura.

Flatulência: distensão abdominal devido ao acúmulo de gases no intestino.

Flebotomia: abertura de uma veia para sangria ou cateterização.

Fratura: quebra de um osso ou cartilagem.

Glicemia: presença ou taxa de glicose no sangue.

Halitose: mau hálito.

Hematêmese: vômito de sangue.

Hematúria: presença de sangue na urina.

Hemiplegia: paralisia de um dos lados do corpo.

Hemorragia: fuga ou extravasamento de sangue dos vasos.

Hemotórax: presença de sangue na cavidade pleural.

Hepatomegalia: aumento do tamanho do fígado.

Hepatoesplenomegalia: aumento do tamanho do fígado e baço.

Hidrotórax: presença de líquido seroso no espaço pleural.

Hipertensão arterial: elevação anormal da pressão sanguínea na parte arterial do sistema circulatório.

Hipertermia: temperatura corporal acima do normal, no geral acima de 37.8°.

Hipóxia: deficiência de oxigênio nos tecidos.

Icterícia: coloração amarelada da pele, membranas mucosas e das secreções eliminadas pelo cliente.

Isocoria: pupilas de tamanho igual.

Jugular: pertencente ao pescoço acima da clavícula. Veia jugular anterior, interna e externa.

Lalia: radical que denota a condição que envolve a fala.

Letargia: sonolência patológica ou estupor.

Leucose: excesso de leucócitos.

Menarca: início da menstruação.

Melena: fezes escuras com presença de sangue.

Mialgia: dor nos músculos.

Miastenia: fraqueza muscular.

Micção: ato de urinar.

Midríase: pupila dilatada.

Miose: pupila contraída.

Necrose: tecido morto devido à falta de circulação local.

Nictúria: micção noturna frequente.

Nistagmo: movimentos involuntários do globo ocular.

Normotensão: pressão arterial normal.

Paralisia: perda da função ou da sensação muscular.

Pedialgia: dor no pé.

Pirexia: elevação da temperatura.

Polaciúria: vontade frequente de urinar.

Prurido: coceira.

Ressuscitação: restauração da vida ou da consciência após a morte aparente.

Septicemia: síndrome clínica caracterizada por grave infecção bacteriana que invade a corrente sanguínea.

Sucção: ato de sugar.

Sutura: reparar ou fechar uma ferida.

Taquicardia: atividade cardíaca excessivamente rápida.

Taquifagia: ato de comer rapidamente.

Taquipneia: respiração anormalmente rápida.

Úlcera: interrupção de continuidade de uma superfície epitelial.

Urgência urinária: necessidade súbita de urinar, podendo ocorrer esvaziamento involuntário da bexiga.

Xerostomia: secura de boca, produzida pela secreção insuficiente de saliva.


Bibliografia: Anamnese e exame físico: avaliação diagnóstica de enfermagem no adulto/ Alba Bottura Leite de Barros e cols - 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

Manual de procedimentos para estágio em Enfermagem/ Sandra Regina L.P.T; Marcelo Tardelli da Silva. 3.ed.- São Paulo: Martinari, 2010.